Descubra qual a origem da Festa de Aniversário com bolo e presentes

Comemorar o aniversário é uma das coisas mais comuns na vida de qualquer pessoa hoje em dia, e nem nos damos conta que tais costumes e celebrações nem sempre existiram da maneira que conhecemos hoje.

Acontece que a festa de aniversário, com direito a bolo, presentes, musiquinha de “parabéns pra você”e tudo mais, é na verdade uma mistura de tradições (algumas até milenares) que surgiram e foram sendo incorporadas pouco a pouco em nossa cultura.

Para explicar as tradições das festas de aniversário separamos cada item, e assim criamos uma superlista com as explicações mais bem aceitas pelos historiadores para a origem de cada detalhe da comemoração como temos hoje em dia.Acompanhe nossa superlista sobre as tradições de aniversários e se surpreenda:

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

O surgimento do aniversário

Na Grécia antiga já existia a tradição de se comemorar o dia do nascimento fazendo oferendas a deusa Artemis (deusa grega da fertilidade e da Lua). Tratava-se de um tipo de oferenda que visava agradecer a deusa para que ela continuasse a prover dádivas e boa sorte no futuro.

A comemoração do dia do aniversário

A tradição de fazer oferendas chegou até a Roma antiga, onde havia a crença que, na data do aniversário, espíritos malignos vinham roubar a alma do aniversariante. Os antigos romanos começaram a acreditar que a reunião de pessoas (em um tipo de vigília), mais o oferecimento de “presentes” aos espíritos poderiam aplacar os “anjos malignos”, e assim surgiram as primeiras tradições que são comuns nas festas de aniversário que conhecemos hoje.

O Bolo de Aniversário

Seguindo as tradições das oferendas aos espíritos malignos, outros costumes começaram a ser incorporados às comemorações de aniversários. Uma antiga tradição da Grécia antiga contava com o preparo de tortas circulares a base de pão e mel, que representavam a lua cheia e homenageavam a deusa Artemis (deusa grega da fertilidade e da Lua). A receita do “bolo grego” acabou se popularizando e se espalhando para outras culturas, dando origem ao bolo de aniversário  que conhecemos hoje.

A vela sobre o bolo de aniversário

Os gregos costumavam colocar uma ou mais velas sobre o bolo oferecido a deusa Artemis, simbolizando o brilho da Lua. Outras crenças acreditavam que a vela espantava os maus espíritos e que sua fumaça levava as preces até o céu. Posteriormente a ideia “pegou”, e a tradição continua até hoje.

Festa proibida pela Igreja Católica

A tradição de se fazer festas de aniversário foi inicialmente considerada um costume pagão pela Igreja Católica e ficou proibida por muitos séculos, sendo liberada apenas por volta do século 5 com o início das celebrações do nascimento de Jesus.

A festa de aniversário

A comemoração de aniversários com festas só se tornou comum no Ocidente a partir do século 19, quando, na Alemanha, foi organizado um festival comemorativo coletivo, que acabou se tornando uma nova tradição que se espalhou pelo mundo.

A música do “Parabéns pra você”

O “Parabéns a Você” é uma adaptação da música “Bom Dia a Todos”, que foi criada no fim do século 19 por duas irmãs professoras em uma escola de Louisville, nos EUA. A letra de “feliz aniversário” da versão brasileira só surgiu em 1942, composta pela poetisa Bertha Celeste Homem de Mello.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Fonte: Curto e Curioso

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *