Como escolher brinquedos de presente para crianças de 0 a 5 anos?

Crescer e se desenvolver é um processo que engloba várias fases na vida das crianças. E escolher brinquedos para crianças de 0 a 5 anos pode ser uma forma de ajudar nesse desenvolvimento. Confira nossas dicas:

Para bebês

Os bebês precisam de brinquedos que desenvolvam e estimulem os seus 5 sentidos e possam ser levados à boca sem perigo de engolir ou de se intoxicar. Por isso, nessa fase são indicados chocalhos, móbiles sobre o berço, bonequinhos de borracha com cheirinho de chiclete e também aqueles com peças grandes de encaixar. Tapetes lúdicos e ginásios são ótimas opções para essa fase.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Brinquedos para crianças de 0 a 5 anos

A criança começa a andar geralmente a partir do primeiro ano de vida. É fato que algumas um pouco antes, outras um pouco depois, porém brincar com as próprias pernas nessa fase costuma ser um desejo da maioria delas. Bolas, carrinhos de bebê para empurrar, brinquedos que tocam músicas e tudo mais que a criança pode operar sem correr nenhum risco são indicados. Para ter certeza, sempre verifique a faixa etária indicada na caixa do brinquedo.

Entre 2 e 3 anos, a criança já caminha sem dificuldades e tem a coordenação motora mais aguçada. Nesse momento, velocípedes são perfeitos tanto para meninos quanto para meninas, pois ele estimula a força nas pernas ao pedalar e deixa a criança no controle do brinquedo. Assim, ela aprende a frear e a se mover nos momentos certos. Carrinhos, bonecas e quebra-cabeças com peças grandes são bem aceitos nessa fase em que também podem ser apresentadas as primeiras formas de arte para a criança, como a pintura (com tinta atóxica), os instrumentos musicais de brinquedo e até o canto com o videokê infantil.

Já no 4º e 5º ano de vida, a criança começa a se socializar com as outras na escola e, por isso, brinquedos que envolvam a coletividade são muito bem-vindos. Jogos com regras a serem cumpridas, competições e batalhas já são permitidos. Por isso, escolha brinquedos que coloquem a criança em situações em que ela precisa lidar com a vitória, a derrota e, assim, aprender a lidar com a competitividade, as regras e também a exercitar a solidariedade. Brincar de escolinha, casinha, corridas de carrinho, bicicleta e jogos que envolvem “faz de conta” são super indicados.

Essas dicas de brinquedos para crianças de 0 a 5 anos são apenas uma ideia do que é possível oferecer a elas como presente. No mais, é sempre bom observar também os desejos da criança para acertar em cheio.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Recreação nos buffets: diversão na certa!

Se tem uma coisa que não pode faltar nas festas infantis são as brincadeiras. Por ser um momento tão esperado pelas crianças, não apenas pelos presentes, mas também pelos docinhos e brincadeiras que a festa promete, a diversão deve ser garantida.

Consideradas uns dos itens imprescindíveis nas comemorações de aniversário, a recreação e animação devem fazer parte do pacote da festa, para que os pequenos aproveitem cada minuto e entrem no clima da comemoração, sem esquecer-se da tranqüilidade dos pais.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Uma dica para garantir a animação e a segurança da garotada é a contratação dos recreadores: profissionais que desenvolvem uma programação de atividades recreativas, envolvendo os convidados com jogos e brincadeiras pedagógicas, proporcionando momentos de descontração em um ambiente cenográfico como o do buffet, para que as crianças não se esqueçam do melhor da infância: brincar. Além de arrancar boas risadas e distrair os pequenos, os recreadores encantam os pais, deixando-os mais tranquilos para que também possam usufruir deste espaço agradável.

E para fazer vibrar a emoção da criançada com as brincadeiras é necessária muita criatividade e atenção na hora de escolher as mesmas. Optar por atividades recreativas simples pode ser uma boa alternativa de entretenimento, para entretê-los e envolve-los com a comemoração.

As famosas gincanas são sempre garantia de animação, mas apostar em brincadeiras como cabeleireiro infantil, contador de histórias, malabares, caricaturistas, oficinas de arte e pintura, esculturas em balcões, peças teatrais e fantoches, podem fazer da festa um sucesso.

Já quando o assunto é interagir crianças e adultos, outras opções como apresentações musicais, show de mágica e ilusionismo, show de palhaços entre outras, podem ser realizadas.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Após todas essas dicas de recreação nos buffets infantis é importante ficar atento a um detalhe: a faixa etária dos convidados. Procure adequar às brincadeiras levando em consideração a idade e o perfil das crianças, pois assim, o aproveitamento será melhor e a festa espetacular.

Com todo o espaço lúdico que o buffet proporciona, aliados a boas brincadeiras e recreadores artistas, que voltam à infância e interagem com as crianças, o ambiente fica agradável e a diversão é garantida.

Outras opções de brincadeiras para sua festa

Além das já citadas, há ainda outras brincadeiras que podem animar sua festa no buffet infantil, com bastante diversão para a criançada.

Estátua: Na brincadeira da estátua podem brincar quantas crianças quiserem, sendo que uma delas irá comandar. Deve-se colocar uma música para que todas as crianças comecem a dançar. A qualquer momento quem está no comando para a música e grita “Estátua!”, fazendo com que todos que estavam dançando parem e fiquem sem se mexer. Enquanto isso, ele fica fazendo brincadeiras em frente às “estátuas”, e quem se mexer por último, ganha.

Dança das cadeiras: A dança das cadeiras é famosa nas festas infantis. Para brincar, separe uma cadeira a menos do que o número de participantes, ou seja, se tiverem 10 crianças, será necessário 9 cadeiras, que devem ser posicionadas em roda com os assentos virados para fora. Coloca-se uma música bem animada e os participantes andam em volta das cadeiras. Quando a música parar, as crianças devem se sentar e quem não conseguir sai do jogo e leva uma cadeira consigo. Assim a brincadeira prossegue sucessivamente até sobrar um único participante: o vencedor.

Vivo ou Morto: Nesta brincadeira também não há limite de participantes, todas as crianças podem brincar. A garotada se posiciona enfileirados e um participante fica em frente dando os comandos. Quando ele gritar “Vivo!”, todos devem ficar em pé, e quando gritar “Morto!” todos devem agachar. A diversão fica por conta de quem se atrapalha, erra e sai do jogo. A criança que tiver mais concentração nos comandos fica por último e é a vencedora.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Duração de festa infantil: Descubra como definir o tempo ideal?

A duração de festa infantil é uma preocupação central para quem organiza eventos. Como os ânimos do aniversariante e dos convidados diferem muito — quanto mais novas as crianças, menos elas tendem a aproveitar —, é fundamental que os prestadores de serviço do segmento se adaptem ao público.

Neste post, vamos mostrar os cuidados necessários para definir a duração ideal de cada comemoração para que você possa criar pacotes de festas com tempo de serviço adequado a cada cliente. Aproveite a leitura!

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

1. CARACTERÍSTICAS DO EVENTO

Definir as especificidades da comemoração confere mais segurança para determinar a duração de festa infantil.

O tempo geralmente proposto para esses eventos — quatro horas — contempla muito mais os adultos do que as crianças presentes. Mas como o foco é justamente nos pequenos, caso se faça a opção por essa duração, ou até mesmo por uma maior, deve-se oferecer conforto e entretenimento para que eles não se vejam entendiados ou irritados durante a festa.

Selecionamos, a seguir, dois fatores principais a serem analisados. Vamos a eles:

Qual é o tipo de comemoração

Festa tradicional, piquenique, churrasco, brunch… O tipo de evento é decisivo para pensar no horário e na duração, além, é claro, no serviço que vai ser oferecido pelo buffet.

Um piquenique, por exemplo, pode ser feito até pela manhã, apenas com as crianças e com duração menor. Já um churrasco normalmente ocorre à tarde, pode reunir mais pessoas e tende a durar mais.

Quem são os convidados

A festa vai ser somente para crianças ou também para adultos?

Por exemplo, é comum que, em aniversários de bebês, não haja tanto público infantil. Nesse caso, pode-se oferecer comodidades para os convidados com crianças de colo, mas o serviço basicamente será focado em adultos, podendo durar mais.

Como pincelamos já na introdução deste artigo, tenha em mente que, quanto mais jovem a maioria dos convidados, mais breve tende a ser a comemoração.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

2. ROTEIRO DE DURAÇÃO DA FESTA

O que está previsto para ocorrer na festa? É necessário que todos envolvidos saibam as atividades que devem ser oferecidas durante a celebração, pois isso define como será o atendimento e, ainda, a duração total do evento.

E mais importante do que estabelecer o roteiro, é cumpri-lo no dia da festa, de modo a evitar atrasos da equipe do buffet. Afinal, isso pode comprometer inclusive a escala dos funcionários e a agenda de profissionais contratados para serviços extras, como a recreação.

Veja um esboço simples para uma festa no padrão de quatro horas de duração, com início às 15h:

  • 15h – Início da festa, com brincadeiras livres (pula-pula, piscina de bolinhas, parquinho);
  • 16h – Teatrinho ou contação de histórias;
  • 17h – Recreação com animadores (pintura facial ou escultura de balões, por exemplo);
  • 18h – Hora do parabéns;
  • 18h30 – Entrega de lembrancinhas e início das despedidas;
  • 19h – Fim do evento.

3. CONTRATO DO SERVIÇO DE BUFFET

Depois de já estar escolhido o tipo de festa e roteiro de duração, então, chega a hora de fechar o contrato.

Além do cardápio de comidas e bebidas e da quantidade que será servida, devem ser estipulados os serviços prestados — copa, cozinha, recreação, recepção — e o mobiliário, tudo de acordo com a necessidade e bem detalhado.

O tempo de serviço do buffet deve prever um período anterior à festa, para a montagem da estrutura, e um posterior, para a desmontagem e entrega do local. É imprescindível que o contratante tenha reservado o espaço contando com essa etapa.

Informações sobre taxas de quebra ou danos aos bens do buffet e a respeito de horas extras da equipe de serviço devem ser predefinidas em contrato de modo claro. Caso o evento se estenda além do horário combinado, o tempo a mais será cobrado e qualquer possibilidade de mudança, durante esse período — como troca de utensílios por descartáveis, redução do número de garçons —, deve estar prevista no documento.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

DICAS DE COMO ESCOLHER O CARDÁPIO PARA BUFFET INFANTIL

Uma festa com um cardápio para buffet infantil impecável influencia na satisfação do aniversariante, dos seus pais e familiares, dos seus amigos e ainda gera possibilidades de novos contratos para a empresa.

Neste post, selecionamos algumas dicas de como criar um cardápio adequado para cada evento e tornar-se uma empresa de buffet infantil de sucesso. Confira!

OUÇA O QUE O CLIENTE TEM A DIZER

O primeiro passo para estruturar um cardápio é ouvir as crianças e os responsáveis para conciliar as predileções e acertar no menu. Entre outras informações, tente descobrir:

  • O que a criança aniversariante gostaria de consumir e se existe algum prato que ela sonha em ter na sua festa.
  • O que os pais não querem que falte no cardápio e se eles têm alguma exigência adicional.
  • Se algum convidado tem alergia ou intolerância a algum tipo de alimento.
  • Se há itens totalmente dispensáveis (se a família for judia, por exemplo, possui restrição à carne suína).

CALCULE A QUANTIDADE DE CONVIDADOS

A quantidade de pessoas e a proporção de crianças e adultos também é crucial para montagem do cardápio. Ter acesso a esses números minimiza o risco de faltar comida para os adultos e de sobrar quitutes para os pequenos (e vice-versa).

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

DESCUBRA O ESTILO DA FESTA

O cardápio para buffet infantil é sempre estimado por todos. Cachorro-quente, salgadinhos, pequenos lanches, pipoca e hambúrgueres agradam crianças e também adultos.

O estilo da festa, no entanto, pode influenciar bastante na escolha dos tipos de alimentos e da forma como eles são apresentados. Saber se o cliente deseja harmonizar o cardápio com uma festa mais requintada ou mais descontraída, por exemplo, faz toda a diferença na escolha do menu.

ADAPTE O CARDÁPIO AO TEMA DA FESTA

Isso é interessante tanto para a escolha do menu quanto para a exposição dos pratos no ambiente da festa. Uma festa infantil com tema safári, por exemplo, pode ter os alimentos com as cores predominantes da selva, além de docinhos e bolo temáticos ou docinhos tradicionais envoltos em forminhas relacionadas ao tema.

INFORME-SE SOBRE O HORÁRIO DA FESTA

Como o principal foco são as crianças, o momento e a duração prevista da festa são informações essenciais, uma vez que os pequenos são influenciados por questões como sono, horário das refeições e tipo de alimento que consomem em cada período do dia.

Algumas dicas podem ser úteis de acordo com cada período.

  • Pela manhã: é bom dar prioridade a alimentos como bolos, cupcakes, pães, sucos, chocolate quente, salgados, etc.
  • No horário de almoço: geralmente os convidados consomem mais nesse período. Por isso, é bom pensar em uma refeição mais reforçada e que tenha ao menos um tipo de salada, pratos quentes e sobremesas.
  • Início da tarde (depois do almoço): é ideal investir em lanches reforçados, uma vez que muitos convidados deixam de ser alimentar no almoço em função do evento.
  • Final da tarde ou à noite: é interessante optar por um prato quente e caprichar em lanches mais leves com frios, saladas, barquinhas ou quiches, salgados, etc.

ATENTE-SE A ALGUNS CUIDADOS EXTRA COM O CARDÁPIO PARA BUFFET INFANTIL

Para acertar totalmente na escolha do cardápio, alguns outros cuidados podem ser levados em consideração:

  • É interessante mesclar frituras, assados, cozidos e alimentos in natura, de forma a equilibrar os petiscos mais gostosos e reforçados com outros mais saudáveis e igualmente saborosos.
  • Cuidado ao inovar muito no cardápio, pois as crianças (que são a maioria dos convidados) costumam ser mais resistentes a novidades.
  • Fique de olho nas normas de conservação dos alimentos.
  • Evite preparações muito gordurosas, pois o organismo dos pequenos pode rejeitá-las, causando transtornos para os convidados.
  • Cuidado com utensílios perigosos para os pequenos como espetinhos, palitinhos, entre outros.
  • Organize o cardápio tentando enxergar com os olhos de uma criança: com muita fantasia, cores e mágica.

Enfim, o cardápio para buffet infantil deve ser primoroso, de forma que a festa seja realmente inesquecível. Por isso, siga as nossas recomendações e prepare e evento dos sonhos de toda criança!

 

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Dicas para fazer uma festa em buffet incrível para o seu filho

Check list básico para fazer uma linda festa em buffet, aproveitando o melhor que o buffet pode lhe oferecer:

1º Passo: Faça uma pré-lista. Tendo uma ideia do tamanho da sua festa, fica mais fácil escolher o local. Importante também lembrar que em festas pequenas, muito provavelmente você não conseguirá desconto, mas em festas maiores, é possível negociar o valor com o buffet.

2º Passo: Escolha o Buffet. Levando em consideração as dicas para escolha do espaço que já demos em outro post.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

3º Passo: Feche o contrato com o Buffet para garantir a data. A grande maioria dos espaços para festas, somente segura e garante a sua data/horário após o pagamento de um sinal. Assim, caso você faça questão de uma data específica, não bobeie, efetue o pagamento do sinal o quanto antes. Se você tem muitos convidados de fora da cidade, ou se faz questão da presença de todos na sua festa, não esqueça de mandar um “save the date” para que seus amigos possam se preparar.

4º Passo: Após fechar o contrato com o buffet, é hora de escolher o tema da festa e a decoração. A maior parte dos buffets inclui uma decoração no pacote, vale a pena consultar! Entretanto, caso você opte por uma decoração mais especial, você pode contratar uma decoradora diretamente. Mas, lembre-se: neste caso o buffet não irá se responsabilizar pela decoração. Além disso, antes de contratar, você deve checar com o buffet se aquela(e) profissional está autorizada(o) a trabalhar lá.

Dica fundamental para contratar uma decoradora: Verifique se ela tem experiência em fazer decoração em buffets e se possui uma equipe para ajudá-la. É muito comum os buffets terem mais de um evento por dia, nestes casos, a decoradora terá uma 1:30h para montar a decoração e 15 minutos para desmontá-la. Uma pessoa sem experiência e equipe, por mais bom gosto que tenha, pode lhe dar uma grande dor de cabeça. Já soube de casos em que a decoração só ficou pronta 1 hora após o início da mesma… Ficou até bonito, mas mal deu tempo das pessoas apreciarem, dos fotógrafos fotografarem… E a mãe ficou extremamente frustrada.

Não se esqueça de verificar se a decoradora que você vai contratar tem a mesa. Caso não tenha, será necessário locar uma mesa, e neste caso a melhor opção (custo/benefício) normalmente é locar por meio do buffet, pois eles têm o melhor preço das empresas que trabalham nos pacotes. Os buffets normalmente não possuem mesa própria.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

5º Passo: Escolher o fornecedor das lembrancinhas, fotógrafo, atração etc. Os buffets normalmente possuem uma lista de indicações. Eles não dão garantia pelo trabalho destas pessoas, claro, mas é um indício de que são idôneas, vale conferir! Antes de contratar com terceiros, vale a pena também verificar os opcionais que o próprio buffet disponibiliza. Muitos oferecem gás hélio, bolos e cupcakes decorados, mesa de quiches, mesas gourmet, carrinho de guloseimas, mesa de balas, bar de brigadeiros etc. A vantagem de contratar os opcionais diretamente com o buffet é não ter que administrar vários fornecedores, e os preços normalmente são bem competitivos.

6º Passo: Caso ainda não tenha escolhido o cardápio, é a hora de escolher! Com pelo menos 15 dias de antecedência, faça suas escolhas. Neste momento é importante também passar para o buffet todas as contratações que foram feitas com terceiros. Se haverá show, personagens, fotógrafo etc. É o momento também de combinar com o buffet como e quando serão entregues as lembrancinhas e bebidas alcoólicas, se você for levar.

Neste momento também é hora de mandar os convites da festa. Muitos buffets possuem convites bem bonitos. Pode usá-los! Se for um buffet que as crianças e os adultos gostem, o sucesso da sua festa começará já na entrega dos convites, com o reconhecimento imediato de que será num espaço bem legal!

Importante: Coloque sempre o horário real do início e do fim da festa, para que as crianças que venham desacompanhadas dos pais não fiquem, já exaustas,  esperando que alguém venha buscá-las depois de acabada a festa.

7º Passo: É chegado o grande dia! Se você contratou um buffet de confiança, relaxe! Faça um dia de princesa! Chegue na hora, linda e feliz! Aproveite que contratou um buffet para se preocupar com a festa e preocupe-se com você!

Uma dica importante: Para ter aquele impacto gostoso, ver os olhinhos do seu filho(a) brilharem ao chegar e ver tudo lindo, a mesa arrumada, os balões já pendurados, a música tocando, o ar condicionado geladinho… Não chegue antes da hora marcada. Os buffets ficam prontos na hora, pois é comum terem duas festas no mesmo dia. Além disso, os funcionários geralmente almoçam ou jantam antes de começar o serviço e nada mais desagradável que chegar e encontrá-los comendo, não é mesmo?

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

POR QUE CONTRATAR UM FOTÓGRAFO PARA A FESTA DO SEU FILHO

Conheça aqui as razões para você contratar um fotógrafo para a festa do seu filho.

O aniversário do filho é sempre uma data especial para os pais e nada melhor do que comemorar com uma festa linda, para se tornar ainda mais inesquecível, não é mesmo? Mas, por conta de toda preocupação para preparar os detalhes do evento, os pais acabam se esquecendo do profissional para registrar todo aquele momento. Por isso, confira aqui a importância de contratar um fotógrafo para esse dia.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

1- Relembre esse dia especial através das fotografias
Não confie só na memória ou em fotografias de celular, para poder relembrar essa data especial. Logo seu filho cresce e com certeza irá querer ver as fotos de sua infância. Contratando um profissional capacitado, você poderá ter todas os registros daquele momento em mãos e é claro, em ótimas qualidades.

2- Dê toda atenção a festa
Você merece curtir a festa que preparou e precisa dar toda a atenção aos convidados. Por conta disso, vai acabar se esquecendo de registrar todos os momentos. Mas, não se preocupe, um fotógrafo fara isso por você.

3- Porque é um evento único
A comemoração do aniversário é sempre muito especial é só acontece uma vez. Logo ele irá crescer e o único registro ficará será as fotografias tiradas pelo profissional contratado.

4- Para não se arrepender depois
A festa irá passar e para não bater os arrependimentos de não ter tirado nenhuma foto, chame um fotógrafo para registrar. Ele será responsável por eternizar aquilo que não queremos esquecer, por isso vale a pena investir em um profissional.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

lista de convidados: 4 dicas para fazer a da sua Festa Infantil

Quando decidimos dar uma festa, logo começamos a pensar em quem vamos convidar, afinal de contas a parte mais importante da festa são as pessoas. Para você não errar no número de convidados e não deixar ninguém importante de fora, separamos algumas dicas para te ajudar a elaborar sua lista de convidados sem estresse. Confira!

1. Defina o número máximo de convidados

O primeiro passo para fazer sua lista é saber o número máximo de convidados que você poderá incluir. Para isso não tem outro jeito, o que influencia é o orçamento. Analise a quantidade de comida e bebida que você poderá bancar e a partir daí comece a definir o tamanho da sua festa. Outra coisa importante para se pensar é na quantidade de itens supérfluos como lembrancinhas e até que ponto vale a pena limitar o número de convidados para incluí-los. Mesmo que seja preciso fazer alguns cortes para convidar alguns entes queridos, jamais abra mão da qualidade dos alimentos servidos.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Outro ponto importante é a capacidade de lotação do ambiente, que deve acomodar todos confortavelmente e contar com um bom espaço para circulação.

2. Estabeleça suas prioridades

Comece sua lista incluindo aquelas pessoas que não podem ficar de fora de jeito nenhum, como família e amigos próximos. A partir daí, defina uma hierarquia de importância de seus convidados. Uma boa ideia é separá-los por categorias e ir incluindo-as na lista de convidados de acordo com a possibilidade de acomodação na festa.

3. Peça confirmação de presença

A confirmação de presença, ou RSVP (abreviação de Répondez S’il Vous Plaît, que quer dizer ”responda por favor” em francês) é uma boa forma de ter uma noção de quantos dos seus convidados irão comparecer. Peça aos seus convidados para darem uma resposta em até 10 dias antes da festa, pois assim você pode incluir ou retirar itens, de acordo com a necessidade. Os convites online da InviteBox já gerenciam as confirmações de presenças automaticamente.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Jamais use a falta de confirmação de alguns para convidar mais pessoas, pois além de deselegante, por ser muito em cima da hora para o convidado, você pode acabar extrapolando a lista, pois muitas pessoas se esquecem de confirmar presença e comparecem mesmo assim.

4. Não se esqueça dos acompanhantes

É claro que não dá para cada convidado da festa levar um acompanhante e espera-se que todos tenham o bom senso de não convidar terceiros se isso não for expressamente permitido no convite. Mas sempre temos aquelas pessoas de que gostamos muito, mas que são de círculos diferentes e têm pouca ou nenhuma afinidade com o restante dos convidados da festa. Nesses casos é um gesto de delicadeza e até mesmo de consideração permitir que elas levem um acompanhante para que não fiquem deslocadas ou sozinhas durante o evento. Por mais que elas sejam suas amigas, você não poderá estar presente o tempo todo para fazer companhia, já que terá muitos convidados para dar atenção.

Uma opção é colocar no convite junto ao nome da pessoa a possibilidade de um acompanhante (na forma, ”fulano e acompanhante”) ou falar pessoalmente que ela pode levar mais um convidado. Lembre-se de dar o aviso assim que entregar o convite, para que ela tenha tempo de convidar a outra pessoa.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

A importância do brincar no desenvolvimento da criança

Atualmente é inegável a importância do brincar no desenvolvimento social, emocional e cognitivo da criança.

O brincar fica relegado para segundo plano e a preocupação dos pais recaí sobretudo em saber se os filhos estudaram ou não, sem perceberem que nenhuma criança desenvolverá todo o seu potencial se a brincadeira não fizer parte da sua vida.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

É importante frisar que o brincar e o jogar não se resumem apenas a formas de divertimento e de prazer para a criança, mas são meios privilegiados dela expressar os seus sentimentos e aprender.

Por intermédio da brincadeira, a criança explora e reflete sobre a realidade e a cultura na qual está inserida, interiorizando-a. A experimentação de diferentes papéis sociais (o papel de mãe, pai, bombeiro, super-homem) através do faz-de-conta, permite à criança compreender o papel do adulto e aprender a comportar-se e a sentir como ele, constituindo-se como uma preparação para a entrada no mundo dos adultos. A criança procura assim conhecer o mundo e conhecer-se a si mesma.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Por outro lado, através da brincadeira, a criança tem oportunidade de simular situações e conflitos da sua vida familiar e social, o que lhe lhe permite a expressão das suas emoções. Brincar é uma forma segura das crianças encenarem os seus medos, as suas angústias e a sua agressividade e de tentarem elaborar e resolver os seus conflitos internos. Os jogos, nos quais está implícito o perder e o ganhar, permitem que a criança possa começar a trabalhar a sua resistência à frustração. Aprender a lidar com esse sentimento é essencial para o seu equilíbrio emocional e para o desenvolvimento da personalidade.

Outro aspeto importante do brincar é o desenvolvimento do raciocínio, da atenção, da imaginação e da criatividade, na medida em que as brincadeiras trazem novas linguagem e ajudam a criança a pensar, se quisermos, a pensar a realidade de forma criativa.

O brincar desempenha um papel igualmente importante na socialização da criança, permitindo-lhe aprender a partilhar, a cooperar, a comunicar e a relacionar-se, desenvolvendo a noção de respeito por si e pelo outro, bem como sua auto-imagem e auto-estima.

Os benefícios do brincar são inesgotáveis e como tal é muito importante que os pais não se esqueçam de definir na agenda da criança um espaço diário para não fazer nada – é aí que surge o espaço para brincar.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Os pais têm um papel fundamental no que respeita à preparação dos espaços, à seleção dos brinquedos e dos contextos a serem explorados, proporcionando à criança um ambiente de qualidade e enriquecedor da imaginação infantil, que estimule as interações sociais com outras crianças, familiares e amigos. Importa lembrar que enriquecedor não significa proporcionar brinquedos caros, mas meios que permitem a exploração de diferentes linguagens como a musical, corporal, gestual, escrita.

O adulto pode e deve participar na brincadeira, uma vez que o seu envolvimento não só estreita os laços afetivos com a criança como também aumenta o seu nível de interesse e motivação. Na interação, o adulto tem oportunidade de conter e ajudar a criança na elaboração das inquietações que surgirem durante a brincadeira, bem como enriquecer e estimular a imaginação da criança, despertando-lhe ideias e questionando-a para a descoberta de soluções.

Citando Winnicott (1975) “a brincadeira é universal e é própria da saúde: o brincar facilita o crescer, logo a saúde”.

Por isso, sempre que lhe seja possível, brinque muito com o seu filho e conceda-lhe uma boa parte do dia para ele brincar! Dessa forma, estará a promover o seu crescimento feliz e saudável!

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Playlist de festa infantil: seleção com 20 músicas para você se inspirar

Se você tem dúvidas sobre o que escolher para colocar na playlist de festa infantil, leia agora mesmo a seleção que fizemos com as principais músicas, bandas e cantores que animam qualquer aniversário.

Será difícil deixar a criançada parada, uma vez que a maioria delas já é bastante conhecida por esse tipo de público. Acompanhe as músicas que separamos para você fazer uma festa mais animada para o seu filho.

1. Superfantástico ― Balão Mágico

Todas as músicas do Balão Mágico animam qualquer festa infantil. O destaque fica por conta das participações especiais como de Djavan na música Superfantástico que é uma das canções mais famosas do grupo.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

2. Pé com pé ― Palavra cantada

Fazendo sucesso desde 1994, a dupla Paulo Tatit e Sandra Peres do Palavra Cantada é garantia de sucesso em festas infantis. Seus maiores hits são “Pé com pé”, “Bolacha de água e sal”, “sopa” e algumas cantigas de rodas que faz qualquer papai e mamãe sair da cadeira para acompanhar seu filho.

3. Ilariê ― Xou da Xuxa

O famoso hit Ilariê lançado em 1988 e que faz sucesso até hoje, foi considerado o primeiro recorde fonográfico de Xuxa. Ao ouvir a música você consegue entender todo esse sucesso, já que é difícil deixar alguém parado em festas infantis.

4. Pirou na Batatinha ― Pequeno Cidadão

Pequeno Cidadão é uma banda que toca músicas inspiradas no universo infantil. O maior destaque de sua carreira fica por conta do rock “Pirou na Batatinha”, onde bichos e comidas rimam.

5. Aquarela ― Toquinho

A música Aquarela de composição de Toquinho, ainda hoje, é uma das mais tocadas em festas infantis. Isso porque a música possui uma letra bem suave e fácil de ser lembrada. Por isso, é difícil encontrar alguém que não saiba cantá-la.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

6. Fico assim sem você ― Adriana Calcanhoto

Adriana Calcanhoto fez uma linda versão da música original da dupla Claudinho e Bochecha e conquistou o coração de adultos e crianças. Não há quem não se emocione cantando “Fico assim sem você”.

7. Txutxucão ― Xuxa

A apresentadora Xuxa sempre foi sinônimo de sucesso com suas músicas infantis. A canção “Dançando com o Txutxucão” é uma delas que acabou se tornando uma das favoritas da criançada para dançar com os amiguinhos.

8. A Galinha e o Galo Carijó ― Galinha Pintadinha

Adicionar algumas músicas da Galinha Pintadinha em festas infantis é garantia de sucesso com a garotada. O hit “A Galinha e o Galo Carijó” se tornou uma das canções preferidas das crianças. As outras canções também divertem e atraem a atenção de todos.

9. Ratinho ― Castelo Rá Tim Bum

O programa Castelo Rá Tim Bum ainda faz muito sucesso nos dias de hoje e muito se deve as músicas que embalaram o programa durante vários anos. A música de Hélio Ziskind que era cantada pelo ratinho que tomava banho foi uma das mais pedidas da época e ainda anima as festas infantis.

10. Lua de Cristal ― Xuxa

A música tema do filme “Lua de Cristal” que foi produzida por Michael Sullivan e Paulo Massadas e gravada por Xuxa alcançou o topo das paradas de músicas do Brasil em 1990. De lá para cá ela se tornou obrigatória nas mais diversas festas infantis.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

11. Baratinha ― Galinha Pintadinha

A canção Baratinha costuma ser cantada por muitas mães para embalar seus filhos, além de servir de referência para vários professores de ensino infantil. Atualmente, ela se tornou uma das músicas mais pedidas da Galinha Pintadinha.

12. Várias músicas de Patati ― Patatá

A dupla de palhaços mais famosa do Brasil também produz muita música infantil, principalmente para os pequenos de até 6 anos de idade que se divertem cantando e dançando com os personagens.

13. Os dedinhos ― Eliana

Uma das músicas infantis mais famosas é cantada pela apresentadora Eliana e se chama “Os dedinhos”. Essa canção transformou a carreira de Eliana e se tornou algo obrigatório nas festas de aniversário de crianças.

14. Músicas diversas de Bia Bedran

Seja cantando ou contando histórias, a compositora Bia Bedran encanta qualquer criança. Para quem não sabe, além de cantora e compositora, Bia Bedran também é educadora musical que nos faz entender todo o seu sucesso.

15. Músicas do programa Cocoricó

Sempre apresentando músicas alegres e educativas, o programa infantil Cocoricó reúne muitos personagens carismáticos como Júlio, Liloca, Caco e Toquinho. A criançada fica paralisada quando eles começam a cantar. Por isso, não deixe de colocar na sua playlist de festa infantil.

16. Fazendinha ― Mundo Bita

As músicas animadas do Mundo Bita, procura estimular as crianças a conhecerem o mundo dos bichinhos e da natureza. As canções são no estilo “Fazendinha”, “Fundo do Mar” e “Viajar Safári” que fazem uma verdadeira viagem pelo mundo e é garantia de muita diversão.

17. Várias músicas do Jacarelvis

Para os pequenos de 1 a 4 anos, as músicas do Jacarelvis são ideais para animar as festinhas infantis, visto que são bem animadinhas e muito fáceis de aprender. Dificilmente as crianças vão ficar paradas.

18. Meu Pintinho Amarelinho ― Gugu

A música Meu Pintinho Amarelinho do apresentador Gugu é sempre tocada em festas infantis. O seu ritmo dançante e coreografado faz qualquer criança pular da cadeira para brincar a festa inteira.

19. Let it go ― Frozen

A música Let it go foi uma das músicas mais tocadas no mundo inteiro. Tudo isso se deve ao grande sucesso do filme Frozen que foi criado pela Disney e que se tornou um fenômeno entre a criançada.

20. Hakuna Matata ― Rei Leão

O filme Rei Leão foi um dos maiores sucessos de bilheteria e encantou o mundo todo com suas lindas mensagens e toda a sua magia. Várias músicas que fizeram parte da sua trilha sonora se tornaram inesquecíveis como a canção “Hakuna Matata”.

Com essas opções de músicas, será mais fácil para você montar uma playlist de festa infantil totalmente completa e que atenda a todas as idades. O que você está esperando para animar a festa da criançada?

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

DICAS PARA PRESENTEAR COM ROUPAS INFANTIS

O aniversário da criançada está chegando e você está com dúvidas na hora de escolher o presente? Acha que os brinquedos são o melhor presente pra criança?

Muitas vezes, pensamos que os brinquedos são as únicas opções de presente, pois as crianças parecem gostar desse tipo de lembrança bem mais do que qualquer outra coisa.

Mas, nem sempre os brinquedos são a melhor escolha, afinal as crianças crescem como ninguém e quando escolhemos as roupas para presente, elas sempre serão bastante úteis, principalmente para os pais que precisam comprar peças novas a cada ano devido ao crescimento dos seus filhos.

Mas, se presentear os pequenos com roupas é uma proposta tão interessante, quais são as dicas para acertar em cheio na escolha?

http://bit.ly/BumbleBeeWhats

Veja agora como escolher roupa para crianças com dicas imperdíveis

Tamanho

É fundamental saber o tamanho da criança antes de comprar o presente. Quando a criança que será presenteada é bem novinha, vale considerar a compra de uma peça um pouco maior, pois a criança certamente estará próxima da sua fase de crescimento.

Peças certas

Como já dissemos, as crianças crescem muito rápido. Então no inverno compre uma peça mais quentinha, assim como nas estações mais quentes você deve comprar peças mais leves. Os bebês, por exemplo, podem crescer de uma estação para outra e por tal motivo é fundamental sempre ficar de olho em cada estação para escolher uma peça que realmente será utilizada naquele determinado período.

Roupa para criança

Achou estranho ler roupa para criança? Por mais estranho que possa parecer, essa dica é especial já que muitas pessoas esquecem que as roupas para crianças precisam ter o jeitinho delas, pois nenhum pequeno quer andar por aí parecendo alguém mais velho.

Criança fica feliz com as roupas, mas elas precisam ter algo a mais para gerar admiração da parte dos pequenos. Os detalhes que as crianças gostam mais são as estampas dos seus personagens favoritos e aquelas peças diferentes, que nenhum coleguinha terá.

Menino e menina são diferentes

Não adianta acreditar que as roupas para meninos e para meninas devem ser iguais e com o mesmo jeitinho, pois elas são bem diferentes.

Na dúvida, escolha as roupas com detalhes claros para cada um deles, como o rosa cheio de mimos para as meninas e o azul com estampas legais para os meninos.

Deixe o presente ainda mais especial

Que tal combinar o presente com um brinquedo? Isso desperta a curiosidade da criança, até mesmo para adquirir a roupa já que ela veio acompanhada de outra lembrança interessante.

Nesse caso, procure um brinquedo que combine de alguma forma com a roupa, por exemplo, se você comprou um vestido de princesas, uma dica pode ser presentear a menina também com uma boneca ou se você presenteou o garoto com uma camisa estampada com um super-herói, uma ótima opção são os bonecos de ação.

http://bit.ly/BumbleBeeWhats